top of page

Saiba como é feita a secagem de grãos após a colheita

Atualizado: 11 de jan.

Veja como acontecem troca de calor e migração de umidade no processo de beneficiamento da safra


Equipamentos do Silo-Secador
Conjunto de equipamentos e acessórios transformam um silo comum no Silo-Secador Granfinale

A secagem de grãos é uma das etapas do pós-colheita. Esse processo retira parte da água dos grãos para que possam ser armazenados e comercializados com segurança.


Saiba mais sobre a importância da secagem de grãos e veja como acontecem a troca de calor e a migração de umidade:



Armazenagem de Grãos

O objetivo da armazenagem de grãos é conservá-los em ambiente limpo e seco, livre de patógenos e impurezas. Ela garante ao produtor rural a tranquilidade para comercializar sua safra no momento mais favorável. Para que os grãos mantenham sua qualidade por longos períodos, é preciso secá-los.


Benefícios da Secagem

A secagem é fundamental para manter a qualidade do produto, pois o teor de umidade influencia diretamente na deterioração de sementes e grãos armazenados. A secagem evita ataques de microrganismos como fungos e bactérias.

Secar os grãos também impacta diretamente no preço do produto e traz mais rentabilidade ao produtor, pois grãos com umidade acima do limite do padrão comercial perdem valor de mercado. Se o teor de umidade estiver abaixo desse limite, o produto pode perder o peso e, na hora de vender, traz menor rentabilidade financeira.

A secagem ainda permite que o produtor armazene os grãos por períodos mais longos, para comercializar quando o mercado estiver favorável. Ela permite antecipar a colheita, disponibilizando a área para novos cultivos e mantém o poder germinativo dos grãos por mais tempo.


Tipos de Secagem

Silo-secador de grãos
Silo-Secador Granfinale

A secagem dos grãos acontece a partir das transferências de calor com o ar ao seu redor e pode ser natural ou artificial.

A secagem natural usa a incidência dos raios solares e a temperatura ambiente sobre a massa de grãos recém-colhidos, no próprio campo. Porém, esse método está sujeito à temperatura da região e favorece o aparecimento de pragas.A secagem artificial é induzida por secadores movidos a gás ou lenha, de forma mais rápida e garantindo mais qualidade aos grãos.


Para entender o processo de secagem, é importante conhecer alguns conceitos:


Migração de Umidade

Sementes, grãos e café ganham ou perdem água em um processo dinâmico e constante, que varia conforme a Umidade Relativa e a Temperatura do Ar em volta deles.

Quanto maior a diferença de temperatura e o teor de umidade dos grãos, mais intensa é a migração de umidade.


Higroscopia do Ar

O ar tem a capacidade de absorver umidade. Quando dizemos que o ar está com 40% de umidade, significa que ele já absorveu 40% do total que pode absorver até chegar ao seu limite de 100%. Os grãos também são higroscópicos, ou seja, têm a capacidade de absorver ou ceder umidade ao ar.

Equilíbrio Higroscópico é quando a pressão de vapor dos grãos é igual à pressão de vapor do ar ao seu redor, ou seja, não existe nenhum tipo de troca entre eles. É o fator físico que mais influencia na armazenagem do grão.

A capacidade do ar de absorver ou entregar umidade está relacionada com sua temperatura. Ar mais quente pode absorver mais umidade que ar mais frio.


Umidade de Equilíbrio

Cada tipo de grão tem um ponto de equilíbrio de umidade. Para evitar a sobressecagem ou o umedecimento dos grãos no Silo-Secador, você deve identificar as condições do ar ambiente e a umidade do produto. Para isso, existem tabelas e equações de equilíbrio higroscópico que você poderá consultar sempre que precisar.



Silo-Secador Batelada Granfinale
Equipamentos aquecem o ar e o forçam a passar pela massa de grãos

Silo-Secador Granfinale


O sistema de secagem da Granfinale é composto por equipamentos e acessórios que transformam um silo comum em Silo-Secador. Basicamente, esse conjunto de equipamentos aquece o ar e força ele a passar pela massa de grãos, que são mesclados para garantir que a secagem seja homogênea.

O ar mais quente tem maior capacidade de absorver umidade. Ele também aquece o grão e aumenta a pressão no vapor de água que está em seu núcleo, então, a água migra para a superfície do grão e é absorvida pelo ar mais seco.

Um único equipamento substitui três: recebe produto úmido, seca e armazena todos os tipos de grãos e café em temperatura do ar de até 60°C, com controle automatizado.


O Silo-Secador é composto por Ventilador, Trocador de Calor Granfinale, Piso Perfurado, Mesclador de Grãos, Espalhador Elétrico de Grãos e Exaustor de Teto.


A Granfinale tem sistemas de Silo-Secador Batelada e Silo-Secador Fluxo Contínuo com capacidades estáticas de 270, 400 e 530 m³. São sistemas modulares e podem ser ampliados para otimizar o uso dos equipamentos e reduzir a ociosidade da estrutura. São usados também na produção de sementes, rações de alta qualidade e grãos destinados ao consumo humano.


173 visualizações0 comentário

Comments


124034.png
bottom of page