top of page

Governo do Paraná libera R$ 250 milhões para construção de silos metálicos

Cooperativas têm até dia 15 de setembro para resgatar créditos de ICMS e aplicar em armazenagem


Cooperativas do Paraná que têm créditos acumulados no Siscred podem usar os recursos para a construção de silos metálicos. O governo do Estado liberou R$ 250 milhões em créditos no programa para armazenagem através da Invest Paraná, agência de negócios vinculada à Secretaria Estadual da Indústria, Comércio e Serviços. O prazo para apresentar os projetos encerra em 15 de setembro.


Outros R$ 250 milhões estão liberados para projetos de silos que serão implantados no ano que vem e, nesse caso, o prazo para apresentar o projeto vai até 30 de junho de 2024.


Gustavo Cejas, diretor de Mercado e Novos Negócios da Invest Paraná, explica que não há carência e nem taxa de juros, uma vez que não é um empréstimo e sim a liberação de créditos que já são das cooperativas.

“Os cooperados poderão usufruir das vantagens competitivas pela disponibilidade de estocagem em baixas de preços”, diz o diretor, apontando um dos benefícios do investimento na infraestrutura das cooperativas.

Os recursos são provenientes de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) retido como fonte de financiamento.

“Muitos paranaenses têm ICMS a receber a longo prazo. Para o Estado isso é caixa, mas quando se tratam de investimentos prioritários como energia renovável, conectividade no campo e, especialmente agora a armazenagem, o governo autoriza a liberação”, explica o secretário estadual de Agricultura e Abastecimento, Norberto Ortigara.


Os créditos já estão disponíveis e são regulamentados por resolução da Secretaria de Estado da Fazenda publicada em julho. A transferência de créditos habilitados compreende a construção de silos metálicos de armazenagem de grãos e todos os seus componentes, como os equipamentos produzidos pela Granfinale Sistemas Agrícolas, a exemplo da Rotaer, máquina de limpeza de grãos, e o Silo-Secador, sistema que armazena e seca grãos.


As cooperativas e empresas integradoras interessadas devem apresentar requerimento informando a quantidade e a capacidade de armazenamento de silos que desejam construir, assim como o valor total da transferência requerida.

“É uma excelente medida do Estado do Paraná para reduzir o déficit de armazenagem de grãos, que esse ano atingiu 118 milhões de toneladas no Brasil”,

diz o diretor da Granfinale Sistemas e vice-presidente da Associação Brasileira de Indústrias de Máquinas e Equipamentos (Abimaq), Paulo Bertolini.


Serviço Todas as informações podem ser acessadas pela Invest Paraná, na diretoria de Mercado e Novos Negócios nos seguintes contatos: (41) 3350-0318 e

(41) 98890-7513 E-mail: paranacompetitivo@investpr.org.br


46 visualizações0 comentário

ความคิดเห็น


124034.png
bottom of page